Brasil – Campeão da Copa das Confederações 2013

Até mesmo alguns dos mais otimistas torcedores não imaginavam que a vitoria da seleção brasileira seria por goleada. A seleção brasileira começou a Copa das Confederações um pouco desacreditada, muitas pessoas tinha desconfiança devido aos resultados nos últimos jogos, a dificuldade para ganhar de grandes seleções, mas chegando perto da Copa o Brasil foi mostrando que seria apenas a sede e seria uma forte candidata ao titulo.

A torcida como era de se esperar deu show, cantou o hino, gritou, vibrou e empurrou a seleção a todo o momento. O Brasil abriu o placar aos 2 minutos para surpresa da maioria dos torcedores, ainda não foi um gol tão comum, mas o importante é a bola no fundo da rede, não importa como. Fred abriu o placar após bola jogada na área por Hulk e a confusão na área em que ele e Neymar foram na bola, mesmo no chão, Fred ai mandou para o fundo das redes, fazendo com que a torcida explodisse no Maracana e e entoar o grito de “ Ôooo, o campeão voltou! O campeão voltou!

Brasil - Campeão da Copa das Confederações 2013

Pouco tempo depois Paulinho quase fez um golaço por cobertura em Casillas. A Espanha não conseguia jogar e por diversas vezes os jogadores espanhóis tinham de parar as jogadas do Brasil com faltas duras, algumas dessas faltas até geraram confusão, como a falta em Neymar que os brasileiros reclamaram da falta de um cartão vermelho para Arbeloa. A Espanha logo voltou a ter a posse de bola e a jogar o futebol que estávamos acostumados. Outro lance importante foi o lance de David Luiz. Para o técnico Felipão, a seleção ganhou o jogo nessa jogada. Pedro apareceu livre na área e bateu cruzado, Julio Cesar já tinha sido vencido nesse lance, quando David Luiz apareceu praticamente em cima da linha e tirou a bola. Esse seria o gol de empate da Espanha. O primeiro tempo encaminhava para o resultado simples de 1×0, quando Oscar pegou a bola e esperou por Neymar ficar em posição legal para tocar para o craque da camisa 10 que bateu forte de esquerda para o fundo das redes. O segundo tempo começou assim como o primeiro, com o Brasil abrindo o placar com Fred. Hulk passou a bola para Neymar que por sua vez deixou passar para Fred e o atacante não perdoou e bateu no canto de Casillas. A sorte parecia estar do lado do Brasil, a Espanha ainda teve um pênalti aos 8 minutos. Sergio Ramos bateu, mas mandou para fora. As duas seleções continuaram lutando, a Espanha ainda teve um jogador expulso. Após contra ataque de Neymar. Piqué acabou derrubando o camisa 10 e sendo expulso. O Brasil mostrou que será um dos favoritos na Copa do Mundo, derrotou a atual melhor seleção do mundo e convenceu a todos sobre a sua superioridade nessa Copa das Confederações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Publicidade