Conheça Murano

Murano é descrita por muitos como uma ilha da Lagoa de Veneza e de fato é constituído de um arquipélago com sete ilhas menores. Dentre elas, duas são artificiais: Sacca Serenella e Sacca San Mattia. Essas duas ilhas artificiais são unidas por uma ponte.

Murano tem aproximadamente 5500 habitantes e fica a 1 Km de Veneza. O arquipélago é muito famoso pelas obras realizadas em vidro, especialmente os candeeiros. Sua fundação se deu pelos romanos e é habitada por procedentes de Altino e Oderzo desde o século VI.

No início, a principal atividade de Murano era o porto pesqueiro e a produção de sal, se tornando um centro comercial. Graças ao porto era possível controlar a ilha de Santo Erasmo. No século XI muitos habitantes se mudaram para Dorsoduro e isso fez com que o arquipélago entrasse em decadência.

O poder de Murano era essencialmente local, assim como Veneza. Porém, desde o século XIII ele começou a ser governada pelos venezianos. Murano também cunhava suas próprias moedas, diferentemente de outras ilhas locais.

Em 1291, a maioria dos edifícios de Veneza eram construídos em madeira e isso preocupou a população local quanto aos cristaleiros que poderiam ocasionar um incêndio mais facilmente. Com isso, eles foram obrigados a se deslocar para Murano.

A partir do século XIV o arquipélago tornou-se novamente próspero, com a realização de exportações, fazendo com que Murano se tornasse famosa. Inicialmente eram produzidos missangas de cristal e espelhos. Em Murano se criou o cristal aventurine e durante muito tempo lá se tornou o maior produtor de cristal de toda a Europa.

Hoje em dia as principais atrações de Murano são a Igreja de Santa Maria e São Donato, com mosaicos bizantinos e os ossos de um dragão morto por São Donato; a Igreja de São Pedro Mártir e o Palácio da Mula. Lá também existe um Museu do Cristal, localizado no Palácio Giustinian.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade