Lúpus

O lúpus é uma doença autoimune rara, mais comum de ocorrer em mulheres e é provocada por um desequilíbrio no sistema imunológico, aquele que deveria defender o organismo (anticorpos).

Para ficar mais claro, didaticamente falando, imagine que todos os seus anticorpos são idênticos, mas de repente aparece um que tem uma pequena diferença dentre os demais. Os anticorpos, ao verem que um deles é diferente, o entende com um corpo estranho ao nosso organismo e tenta nos defender dele. Isso causa o lúpus, que até o momento ainda não tem cura.

O diagnóstico da doença é um pouco difícil, fazendo com que seja confundido com outras doenças, antes de se chegar ao lúpus. Isso faz com que muitas pessoas acabem recorrendo a vários médicos até chegar ao diagnóstico correto.

Um dos sintomas mais comuns do lúpus é uma mancha provocada pelo sol, que aparece no rosto formando asas de borboleta. Outras manchas podem aparecer em outras áreas do corpo, sendo que a pessoa que tem lúpus deve evitar contato direto com o sol.

O tratamento do lúpus requer cuidado médico de especialistas, pois se realizado corretamente permite que a pessoa leve uma vida normal.

O lúpus pode ser dividido em três tipos:

Lúpus discoide: limita-se à pele e é identificado por inflamações cutâneas, geralmente na face, couro cabeludo e/ou nuca. Quem tem este tipo de Lúpus, pode ter sua evolução para o Lúpus sistêmico.

Lúpus sistêmico: é mais grave que o lúpus discoide, e afeta quase todos os órgãos e sistemas do corpo humano. Ele pode comprometer juntas, rins, pulmões, sangue.

Lúpus induzido por drogas: ele é consequente do uso de certas drogas e medicamentos. Seus sintomas são semelhantes ao lúpus sistêmico. Algumas dessas drogas como a hidralazina e a procainamida já foram identificadas como facilitadoras do lúpus.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade