NBA libera patrocínio em uniformes das equipes

Os dirigentes da NBA se reuniram em Las Vegas e concordaram com mudanças para a próxima temporada 2013/2014. A maior mudança será nos uniformes das equipes que terão liberação para expor patrocinadores, algo que jamais aconteceu nos 66 anos da liga.

De acordo com David Stern, comissário da NBA, a ideia é deixar as equipes conforme as do futebol europeu, que conseguem boa parte de sua receita através de patrocinadores. A expectativa da liga é obter um lucro extra por volta de US$ 100 milhões.

Stern explica porque é necessário dar um prazo às equipes para colocar o patrocínio nas camisas: “Achamos que as equipes precisariam de um tempo significativo, em primeiro lugar, para vender o espaço na camisa, e, em segundo, para que a Adidas fabrique o uniforme, porque o patrocínio que estaria nos uniformes dos jogadores também apareceria nas camisetas vendidas em estabelecimentos”.

 

Outra mudança acordada pelos dirigentes da NBA foi a liberação de checagem dos juízes de faltas flagrantes em vídeos, podendo assim ver o replay e conferir se foi mesmo falta, mas isso só poderá ser feito nos dois minutos finais da partida ou na prorrogação.

O uso de imagem também poderá ser usado para conferir se um toco foi dado com a bola na descendente e para checar se a falta foi defensiva ou ofensiva. Da mesma forma o vídeo será visto somente nos dois minutos finais ou na prorrogação.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade