Passagens Low Cost

O que alguém pensa logo que vai viajar? Preço. Custo. E é claro, boa parte deste custo vem das passagens aéreas, quando o destino é longe. Pensando nisso as companhias aéreas disponibilizam as passagens chamadas “low cost” (preço baixo, em inglês).

E como funciona?

Geralmente as companhias cortam custos usando estratégias simples (para viagens de curta distância) como: menos serviços de bordo, vendas pela internet, vendas antecipadas, venda de assentos sobressalentes sem marcação de lugar, redução da bagagem por passageiro, tarifas mais pesadas sobre troca de passagem (mudança de rota ou horário) e no show, etc.

 

Passagens Low Cost

Estas ações podem facilmente ser aplicadas em voos de curta duração, uma vez que o cliente não necessita tanto dos serviços de bordo e não leva muita bagagem.

No Brasil, as companhias Gol e WebJet são as que mais utilizam o sistema (ainda que muitas vezes híbrido), e conquistaram boa parcela do mercado com esta estratégia.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade