The Big Bang Theory: Ser Nerd Nunca Foi Tão Popular

Quando teve seu primeiro episódio piloto desenvolvido para a temporada de 2006/2007 da CBS, The Big Bang Theory quase foi descartada. O piloto não chamou muito a atenção e foi reprovado pela emissora. Para a sorte dos produtores (e de todos os fãs da série), a CBS deu uma nova chance para que ele fosse revisado e reapresentado. A melhor coisa que fizeram foi colocar os personagens Penny, Howard e Raj. Imagina o programa sem eles? Dessa vez, o piloto foi aprovado e a série estreou no ano de 2007. O projeto com destino incerto, aos poucos foi ganhando confiança, e com a boa recepção por parte do público, conseguiu firmar seu espaço na televisão para alívio dos criadores e do elenco. The Big Bang Theory se revelou uma das melhores séries de comédia e tem 5 temporadas com altos índices de audiência. Foi criada por Chuck Lorre (Two and a Half Man) e Bill Prady (Gilmore Girls), e é produzida pela Warner Bros. Television em conjunto com a Chuck Lorre Productions.

Sinopse

The Big Bang Theory é um tipo de comédia diferente, focada no universo de um grupo de amigos nerds. Todos os episódios são recheados de piadas inteligentes, clichês e referências. A história se passa em Pasadena, California e começa mostrando a relação entre os físicos Leonard Hofstadter e Sheldon Cooper, dois colegas que dividem o mesmo apartamento. Quando não estão trabalhando, recebem em casa os colegas de trabalho na Universidade Raj e Howard para jogar RPG, encarar maratonas de filmes de ficção científica, jogar Rock Band, fazer palavras cruzadas usando o idioma Klingon, e outras atividades para seu entretenimento. Eles levam tão a sério que há um cronograma com as atividades para cada dia da semana…Mas a chegada de Penny, uma vizinha sexy e de inteligência inferior ao grupo, vai abalar toda a sua rotina. Leonard se encanta com ela e a convivência da loira com os nerds traz muitas mudanças. De um lado, os rapazes se aproximam de uma vida social e Penny conhece um novo ambiente intelectual. O contraste entre ambos os lados gera situações hilárias.

O interessante da série é que mesmo sem compreender muitas piadas e frases ditas pelos personagens (principalmente Sheldon), caímos na risada. Até mesmo os atores já afirmaram que não entendem a maioria das frases científicas de suas falas. O fato da gente não entender já é engraçado, assim como eles não entendem assuntos básicos apresentados por Penny, que são comuns no nosso cotidiano. A excentricidade dos personagens é responsável por todo esse sucesso que The Big Bang alcançou.

Personagens

Leonard Hofstadter (Johnny Galecki) – desajeitado e sensível, Leonard é um físico experimental que se apaixona pela vizinha de apartamento Penny. Para conquistá-la, tenta se afastar do seu lado nerd, mas sempre acaba se atrapalhando. Na terceira temporada chega a namorar com ele, mas o relacionamento fica confuso (principalmente por ele ser pegajoso demais). Leonard é a maior vítima de Sheldon, pois convive com ele sob o mesmo teto e é obrigado a se adaptar às suas regras malucas.

Sheldon Cooper (Jim Parsons) – Leonard era o protagonista da série, mas Sheldon roubou toda a cena. É um daqueles personagens, que se retirado, acaba com a graça do programa. Anti-social, perfeccionista ao extremo, egoísta e dono de muitos outros adjetivos, Sheldon é um gênio que se acha superior a tudo e a todos. Aos 14 anos já tinha completado a graduação, tem um Q.I de dar inveja a qualquer um. Suas manias excêntricas explicam porque pouquíssimas pessoas mantém contato com ele. Mas apesar de tudo, Sheldon às vezes parece um menino sensível e indefeso. Certamente sofre de algum transtorno como a Síndrome de Asperger ou o Transtorno Obssessivo Compulsivo. Sheldon não demonstra nenhum interesse em mulheres. Embora seja muito inteligente, não consegue identificar um sarcasmo. Quando faz piadas ou pegadinhas com os colegas, utiliza a palavra Bazinga! A expressão ficou popular entre os fãs da série e foi até licenciada pela Warner para estampar produtos. Na realidade, ela não tem sentido, equivale ao “Te peguei!” ou “Brincadeirinha!”.

Penny (Kaley Cuoco) – bonita e com uma vida social movimentada, Penny veio de Omaha, Nebraska, para tentar a carreira de atriz em Los Angeles, mas nunca consegue um bom trabalho na área. Acaba virando garçonete de uma lanchonete. Desligada e desorganizada, se envolve em muitas das loucuras do quarteto.

Rajesh Koothrappali (Kunal Nayyar) – Raj é um astrofísico indiano que tem um problema que dificulta ainda mais a possibilidade de uma vida social ativa: ele não consegue falar com mulheres. Não consegue falar mesmo, fica completamente mudo e não consegue proferir uma única palavra. A solução para esse problema é a ingestão de bebida alcoólica ou um drink chamado Grasshopper. Depois de beber, Raj vira um galã sedutor. O mais engraçado é quando o efeito passa no meio da interação.

Howard Wolowitz (Simon Helberg) – metido a conquistador, Howard é um judeu de visual bizarro que tenta conseguir mulheres sem sucesso. Suas piadas e cantadas toscas afugenta todas elas, inclusive Penny. Howard trabalha em um departamento de física aplicada como engenheiro e projetista de equipamentos para a NASA e sempre que há uma oportunidade, é ridicularizado pelos amigos por ser o único a não ter doutorado. Apesar da idade, mora com a mãe, que o trata como se ele ainda fosse uma criança. As cenas com os dois são muito engraçadas. A Sra. Wolowitz nunca é mostrada, apenas sua voz rouca que surge sempre aos berros para se dirigir ao filho.

Na terceira temporada, Howard arranja uma namorada, a doce Bernadette.

Bernadette (Melissa Ivy Rauch) – quando aparece na terceira temporada, Bernadette é uma estudante de doutorado em microbiologia que trabalha como garçonete no mesmo lugar que Penny. Na quarta temporada, já está formada e vira um personagem fixo da série. Bonita e meiga, gosta de Howard a ponto de aturar suas piadas sem graça.

Amy Farrah Fowler (Mayim Hoya Bialik , atriz que interpretava a protagonista da série Blossom) – é mais uma personagem que fez uma participação e voltou de vez. No último episódio da terceira temporada, Howard e Raj inscrevem Sheldon em um programa de encontros pela internet para se livrarem dele. O perfil de Amy combina incrivelmente com o de Sheldon e assim eles se conhecem e se tornam amigos. Amy é uma nerd esquisita e solitária que tem a oportunidade de se socializar através da convivência com Penny e Bernadette. Amy é doutoranda em neuro-biologia e é uma versão feminina de Sheldon, por isso eles se dão bem.

Outros personagens aparecem de vez em quando, como Stuart, o dono da loja de revistas em quadrinhos e Priya, Irmã de Raj (com quem Leonard namora escondido). The Big Bang Theory já contou com algumas personalidades como Stan Lee, Leonard Nimoy, Charlie Sheen e Wil Wheaton. Wil Wheaton interpreta ele mesmo e aparece em alguns episódios para uma batalha épica com Sheldon. Sheldon o considera seu inimigo após uma decepção com o ator quando era criança.

Por enquanto, a renovação da série está confirmada até a sétima temporada.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade