Uma aventura selvagem – Safari na África

Se você é aventureiro e gosta de observar a vida selvagem, o Safári é a sua melhor opção de passeio.  É uma ótima oportunidade para conhecer lugares selvagens, com belezas naturais e manter um contato mais próximo com animais típicos da savana. Antigamente, o termo safári se referia às atividades de caça a animais da selva e savana africana, hoje é voltado para o turismo, tratando-se de passeios em carro aberto ou a pé para observação de animais em reservas ou parques. Os leões, os elefantes, as girafas e outros animais grandes são as grandes atrações para os turistas, principalmente para as crianças, que ficam encantadas. O safári ocorre em todo o continente africano, mas as áreas em que ele se destaca mais são na África do Sul, Quênia e Tanzânia.
Para aproveitar bem a sua viagem, busque informações nas agências de turismo. As agências e operadoras de turismo oferecem diversos pacotes e roteiros de safári, com destinos e preços variados. Podem ser de 4 a 15 dias, entre USD 1.398,00 e USD 5.497,00, incluindo hospedagem e outros serviços.  Os roteiros clássicos propõem visitas a reservas (Kenya, Tanzânia, Zâmbia, Zimbabwe, Botswana, Namíbia e África do Sul) e parques (Tanzânia), onde podem ser vistos os movimentos migratórios de animais como leões, leopardos, crocodilos e guepardos, rinocerontes.

Melhores atrações:

África do Sul – Kruger Park, cidade de Cape Town , Cataratas Victoria (Victoria Falls),  resorts de luxo, cassinos.

Quênia – Parques nacionais, visitas à capital Nairobi, santuários de vida selvagem Masai Mara (Quênia Ocidental), Amboseli (Quênia Meridional) e Tsavo (dividido em Tsavo Oriental e Tsavo Ocidental), pássaros diversificados, santuários dos rinocerontes negros, lago Rift Valley (com grande concentração de aves), migração de gnus durante a “shoulder season” (estação seca).

Tanzânia – Parque Nacional do Serenget, parque Ngorongoro (localizado na cratera de um vulcão extinto), santuário de chimpanzés Jane Goodall  no Parque Nacional Gombe Stream, Reserva de Caça de Selous (com mais de 100 mil elefantes, hipopótamos, búfalos e crocodilos),  Parque Nacional do Monte Kilimanjaro e Parque Nacional de Arusha (permite caminhada).

Suazilândia Reserva de Caça Mkhaya , Parque Nacional Hlane Royal, Santuário de Vida Selvagem Mlilwane,  no Vale Equlwini (passeio a pé, a cavalo ou de bicicleta).

Botsuana – Parque Nacional Chobe (com babuínos e mais de 100 mil elefantes), Parque Nacional de Gemsbok,  Parque Nacional de Kalahari Gemsbok (com manadas de leão de juba negra, ela e gemsbok – antílope com pontudos e delgados chifres) ,Reserva de Vida Animal Moremi  e Reserva de Caça do Kalahari Central.

Zimbábue – Cataratas Victoria, Parque Nacional Matopos,  Parque Nacional Hwange, com mais de 100 diferentes espécies de animais, manadas de elefantes e 400 espécies de pássaros.

Zâmbia Parque Nacional South Luangwa (com concentração de vida selvagem ao redor de lagos e do Rio Luanga), Parque Zoológico Mosi-O-Tunya, Parque Nacional Kafue e Parque Nacional Lower Zambezi , que oferece a oportunidade de ver grandes manadas de elefantes nas margens do rio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade